InícioCuriosidades10 mitos sobre alimentação que você ainda acredita, mas não deve

10 mitos sobre alimentação que você ainda acredita, mas não deve

Publicidade

Você fica sobrecarregado com as decisões diárias sobre o que comer, o quanto comer ou como comer para ser saudável? Em caso afirmativo, não desanime porque você não está sozinho.

Com tantas opções e decisões, pode ser difícil saber o que fazer e em quais informações você pode confiar.

Essas informações podem ajudá-lo a fazer mudanças em seus hábitos alimentares diários para melhorar seu bem-estar e atingir ou manter um peso saudável.

Continue a ler após a publicidade.

Manter um peso saudável deve ser considerado a chave para uma boa saúde. No entanto, quando muitos de nós, tentam perder alguns quilos, fazemos isso da maneira errada.

Victoria Taylor, nutricionista sênior da British Heart Foundation, lista os mitos mais comuns sobre dieta e separa os fatos da ficção.

Listamos abaixo 10 mitos de alimentação muito comuns que muitas pessoas ainda acreditam e que estão completamente errados:

1) Pular refeições vai economizar calorias

Pular refeições pode fazer você se sentir cansado e com fome, o que significa que você terá mais chances de comer lanches com alto teor de gordura e calorias ou compensar com refeições maiores quando comer.

Também é mais difícil fazer uma escolha saudável quando você está com muita fome. Mantenha um padrão regular quando se trata de suas refeições e planeje com antecedência para ter certeza de que está ansioso por opções saborosas e saudáveis.

2) Você só pode comer uma variedade limitada de alimentos

Se você comer apenas maças ou laranjas o dia todo durante uma semana, é claro que perderá peso. Mas as dietas da moda rapidamente se tornarão enfadonhas e não serão eficazes a longo prazo.

Recomendamos:  Chefe de restaurante expulsa cliente que maltratou funcionário autista

Isso é bom, porque embora tenham poucas calorias, muitas vezes não têm toda a gama de nutrientes de que seu corpo precisa para funcionar corretamente a longo prazo.

Se você precisa tomar suplementos de vitaminas e minerais junto com um plano de dieta, isso é um sinal de que essa dieta pode não estar fornecendo todos os nutrientes de que você precisa.

Não é necessário morrer de fome para perder peso. Fazer pequenas mudanças que você pode cumprir é a chave para o sucesso a longo prazo.

3) Você não tem permissão para comer guloseima

Privar-se de todos os alimentos de que você gosta não funciona e proibir certos alimentos muitas vezes nos faz querer comê-los ainda mais. Você acabará cedendo à tentação e abandonando seus esforços, e isso pode levar a sentimentos de culpa e fracasso.

Lembre-se de que um escorregão não significa necessariamente uma queda e não há mal nenhum em se permitir uma guloseima de vez em quando. Planeje comer pequenas quantidades dos alimentos que você adora e saboreie cada garfada.

4) Você não pode comer depois das 20h

Não importa quando você come, se você está comendo demais! Dito isso, é mais saudável para o sistema digestivo não fazer uma refeição pesada antes de ir para a cama.

A pesquisa do efeito do horário das refeições sobre o metabolismo e a saúde está em andamento e ainda há mais para aprendermos nessa área.

Continue a ler após a publicidade.

Recomendamos:  Homem finge ser surdo-mudo por 62 anos para não aturar a mulher

No entanto, muitos de nós tendem a comer demais à noite, quando estamos cansados, então planeje comer sua refeição noturna pelo menos 2 a 3 horas antes de dormir.

5) Você pode queimar gordura localizada

Por mais injusto que possa parecer, não podemos escolher de onde vamos ganhar ou perder peso. Quando o corpo perde gordura, ela é perdida por todo o corpo.

Focar em uma área do corpo durante o exercício pode desenvolver um melhor tonificação​​ muscular nessa área, mas não removerá mais gordura.

6) Certos alimentos ajudam a queimar gordura

Nenhum alimento pode realmente ajudá-lo a queimar gordura. O importante é comer menos calorias (energia) do que está usando, em vez de comer alimentos específicos que supostamente têm propriedades especiais. Lembre-se de que a chave é fazer uma dieta balanceada.

7) Carboidratos engordam

Grama por grama, o carboidrato tem menos da metade das calorias da gordura. No entanto, você ainda precisa ficar de olho no tamanho das porções e escolher os tipos certos de carboidratos.

Opte por grãos integrais como aveia, arroz integral e pão integral e massas, em vez de versões brancas ou alimentos e bebidas açucarados. Cuidado com as adições de alto teor calórico também;

Recheios e coberturas comumente adicionados, como molhos cremosos no macarrão e manteiga ou queijo em batatas assadas, irão aumentar drasticamente o teor de gordura e calorias de sua refeição.

8) Você não pode lanchar

O planejamento de lanches saudáveis ​​entre as refeições pode ajudá-lo a controlar o apetite. Frutas, vegetais, nozes e sementes sem sal e laticínios, como iogurte, são ótimas opções.

Recomendamos:  Ter uma mãe e uma amiga na mesma pessoas foi o maior presente que Deus me deu

9) Você só deve comer alimentos com baixo teor de gordura

Não confie em baixo teor de gordura, o que significa baixo teor de calorias. Substituir a gordura por outros ingredientes ainda pode resultar em um produto com alto teor calórico. Não se deixe enganar – verifique o rótulo.

A quantidade também é importante. Você não vai cortar calorias se comer duas vezes mais de um produto com baixo teor de gordura do que comeria com um gorduroso.

Alimentos pré-embalados com baixo teor de gordura também costumam ser ricos em açúcar e conservantes, que podem ser prejudiciais à saúde.

As gorduras naturais encontradas em nozes, sementes, peixes e abacates são essenciais para o brilho da pele e a redução do risco de doenças cardíacas.

10) Você precisa seguir um regime de exercícios intensos

Você não precisa correr uma maratona para se beneficiar de ser mais ativo. Mesmo as atividades de baixa intensidade ajudam a usar mais energia. Caminhadas rápidas, jardinagem ou trabalhos domésticos podem fazer uma grande diferença.

Publicidade

Se esse artigo foi útil para si, entre aqui e descubra mais informações e dicas interessantes. via: niddk

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais vistos