3 dicas para fermentar legumes corretamente

Fermentar legumes é uma técnica antiga que tem sido usada em todo o mundo há séculos.

Além de ser uma forma deliciosa de preservar alimentos, a fermentação também pode trazer benefícios para a saúde, como o aumento da biodisponibilidade de nutrientes e a promoção de bactérias benéficas no intestino.

No entanto, para fermentar legumes com sucesso, é preciso seguir algumas dicas importantes.

Neste artigo vamos falar de 3 dicas úteis para ajudá-lo a obter os melhores resultados ao fermentar legumes em casa.

Então, se você é um entusiasta da fermentação ou um iniciante curioso, continue a ler para descobrir como fermentar legumes de forma fácil e saudável.

1) Escolha os legumes certos

Nem todos os legumes são adequados para a fermentação. Os melhores legumes para fermentação são aqueles que contêm açúcares naturais e amidos, como repolho, cenoura, beterraba, pepino, cebola e alho. Além disso, é importante garantir que os legumes estejam frescos e limpos antes de começar a fermentação.

2) Utilize um starter ou cultivo inicial

Para iniciar a fermentação, você precisará adicionar bactérias benéficas ao seu recipiente de fermentação. Isso pode ser feito usando um starter ou cultivo inicial, que contém as bactérias necessárias para iniciar o processo de fermentação. Você pode comprar um starter comercial ou usar legumes fermentados anteriormente como cultivo inicial.

3) Mantenha os legumes submersos

Durante o processo de fermentação, os legumes devem estar completamente submersos no líquido para evitar o crescimento de bactérias indesejáveis. Você pode usar um peso ou um jarro de fermentação com um sistema de vedação para manter os legumes submersos. Certifique-se de que o líquido cubra completamente os legumes para garantir uma fermentação adequada.

5 benefícios dos legumes fermentados:

1) Melhora a digestão

O processo de fermentação torna os legumes mais fáceis de digerir, pois as bactérias benéficas produzem enzimas que quebram os açúcares e amidos presentes nos legumes. Além disso, os probióticos presentes nos legumes fermentados ajudam a equilibrar a flora intestinal, promovendo uma digestão saudável.

2) Aumenta a biodisponibilidade de nutrientes

Os legumes fermentados contêm níveis mais elevados de vitaminas e minerais do que os seus equivalentes não fermentados. Isso ocorre porque as bactérias benéficas presentes na fermentação ajudam a quebrar as ligações moleculares dos nutrientes, tornando-os mais facilmente absorvíveis pelo corpo.

3) Fortalece o sistema imunológico

Os legumes fermentados contêm probióticos, que ajudam a melhorar a função imunológica, protegendo o corpo contra infeções e doenças.

4) Reduz a inflamação

A fermentação ajuda a reduzir a inflamação no corpo, pois os probióticos presentes nos legumes fermentados ajudam a equilibrar o microbioma intestinal, reduzindo a inflamação sistémica.

5) Melhora a saúde mental

A fermentação também pode ajudar a melhorar a saúde mental, pois os probióticos presentes nos legumes fermentados ajudam a equilibrar a química do cérebro, reduzindo os sintomas de ansiedade e depressão. 

Ao adicionar legumes fermentados à sua dieta, você pode desfrutar de uma série de benefícios para a saúde. 

Concluindo, fermentar legumes é uma técnica antiga que pode ser uma forma deliciosa e saudável de preservar alimentos, para além de melhorar a saúde em geral.

Ao seguir as 3 dicas apresentadas neste artigo, você poderá obter os melhores resultados ao fermentar legumes em casa.

Escolher os legumes certos, utilizar um starter ou cultivo inicial e manter os legumes submersos são passos importantes para garantir uma fermentação adequada e segura.

Além disso, ao fermentar os seus próprios legumes, você pode experimentar diferentes combinações de sabores e criar receitas exclusivas para desfrutar com a sua família e amigos.

Se você ainda não experimentou fermentar legumes em casa, experimente agora e descubra a alegria de criar os seus próprios alimentos saudáveis e deliciosos!

Mais virais

Navegue