InícioMundoAcorda em saco preto na funerária após óbito declarado

Acorda em saco preto na funerária após óbito declarado

Publicidade

O mundo todo está vivendo momentos difíceis nesses últimos dias, mas o sofrimento de uma família enlutada não pode ser comparado a nenhum outro.

Muitas famílias estão sofrendo por perderem seus entes queridos sem ao menos poderem dizer adeus, pois por conta da pandemia de covid-19, os velórios são proibidos.

A família de Gladys Rodriguez Duarte, que mora em San Fernando no estado de Coronel Oviedo, no Paraguaí, passou por momentos semelhantes ao que foi mencionado acima.

Continue a ler após a publicidade.

Mas, sua história teve uma reviravolta inesperada e no final tudo acabou bem.

Tudo aconteceu quando a mulher de 46 anos de idade, foi diagnosticada com um câncer no ovário e foi encaminhada às pressas para o hospital após ter uma piora em seu estado de saúde.

Dias depois, a equipe médica atestou o óbito e o corpo dela foi encaminhado para a funerária, onde aguardava o carro para levar o corpo ao cemitério.

Foi um funcionário observou que o saco onde Glayds estava, começou a se mexer, ele então abriu a embalagem rapidamente e conseguiu salvá-la.

Continue a ler após a publicidade.

Publicidade

Ela foi reencaminhada ao mesmo hospital, recebeu o devido atendimento e agora continua lutando contra o câncer e a família pode ver o seu sorriso novamente.

RELACIONADOS

Mais vistos