Viajar só é uma boa opção, estes 10 motivos mostram isso

Muitas pessoas acham a ideia de viajar sozinhas aterrorizante, mas pode ser a melhor coisa que você já fez.

Depois de viajar sem escalas por mais de oito anos, prefiro viajar sozinho, uma ideia que assusta muita gente.

Quando a economia afundou em 2008, larguei meus empregos e passei um ano viajando pelo mundo. (Recessões não são boas para fotógrafos freelance.) Foi minha primeira aventura solo de longo prazo – oito países em 13 meses. Eu reservei o voo e nunca olhei para trás.

Se você nunca experimentou, aqui estão dez razões pelas quais você deve viajar sozinho:

1) Expanda sua zona de conforto

A única maneira de superar o medo é fazer as coisas que você teme. Quase tudo que faço me assusta. Eu odeio alturas, então fiz bungee jumping na Nova Zelândia.

Acho a ideia de ficar sozinho em uma cidade estrangeira onde não falo o idioma muito estimulante.

A coragem e a confiança adquiridas ao viajar sozinho podem transformar todos os aspectos de sua vida, incluindo sua carreira.

2) Domine sua própria programação

Viajar sozinho é a liberdade definitiva. Coma panquecas no café da manhã todos os dias. Levante-se ao nascer do sol para fazer caminhadas ou passe as tardes lendo em uma rede.

Nada de arrastar seus amigos noctívagos para fora da cama para pegar um voo mais cedo.

E, o mais importante, sem brigas sobre o que comer no jantar! Você faz o que quiser, quando quiser. Sem espera. Sem brigas idiotas. Sem perguntas.

Recomendamos:  10 sinais que o cão dá quando ama muito seu dono, todos fazem isso

3) Aprenda sobre você

Considero as viagens um aprendizado – uma visão aprofundada da história mundial e de você mesmo. Eu tinha um mestrado aos 25 anos e vivi em quatro continentes quando tinha 27 anos.

Há uma clareza que vem de estar a 5.000 milhas de distância de tudo que é familiar e de todas as coisas que influenciam suas decisões.

Isso limpou minha cabeça das expectativas da sociedade e me permitiu simplificar meus objetivos e prioridades para construir a vida que eu queria, o que envolvia viajar para ganhar a vida.

4) Faça novos amigos

A maneira mais fácil de conhecer pessoas é viajar sozinho. Isso o força a ser mais expansivo do que o normal e o torna mais acessível.

As conversas com estranhos são mais fáceis e naturais porque giram em torno de perguntas simples como “Para onde você está indo?” e de onde você é?” Além disso, outros viajantes são o melhor recurso para recomendações sobre alimentação, transporte e acomodação.

Conheci a maioria dos meus amigos mais próximos durante uma viagem. Cada um começou como um encontro casual em um lugar improvável – um pub no frio norte da Inglaterra, as ruas úmidas de Luang Prabang. Eu não poderia imaginar minha vida sem essas pessoas.

5) É mais fácil planejar

O estresse do planejamento é reduzido significativamente quando você só precisa planejar um.

É mais fácil encontrar um único assento sobressalente em um voo de última hora ou em um ônibus lotado.

Recomendamos:  Irmãs gêmeas idênticas se casam com irmãos gêmeos idênticos em cerimônia conjunta

Além disso, você não precisa coordenar várias programações de trabalho e férias. Normalmente deixo minhas opções em aberto ao reservar um voo só de ida.

6) Economize dinheiro

É mais fácil ficar dentro do seu orçamento quando você está viajando sozinho. Cada pessoa tem diferentes níveis de conforto, o que pode levar a drásticas diferenças de preços de acomodação, alimentação e transporte.

Eu geralmente prefiro ir a pé ou de transporte público, tanto pela experiência quanto para economizar dinheiro.

Já viajei com amigos que insistem em pegar táxis para todos os lugares porque não aguentam a multidão e o calor.

7) Sem arrependimentos

A melhor maneira de viver a vida com a qual sonha acordado é viajar sozinho. Se eu quero fazer algo, encontro uma maneira de fazer acontecer.

Às vezes, pode levar semanas, meses ou anos. Eu me recuso a passar minha vida esperando por outras pessoas. Se amigos puderem se juntar a mim em uma aventura, ótimo. Se não, vou sozinha.

Quando eu tiver 80 anos, nunca direi: “Cara, me arrependo daquele ano que passei morando na Austrália e daqueles dois meses que passei caminhando na Patagônia.

8) Minimalismo

Eu era essa garota. Aquela arrastando duas malas com o dobro do seu tamanho pelo aeroporto. Felizmente, aquela garota aprendeu a carregar sua bagagem.

Nada ensina você sobre minimalismo melhor do que uma viagem solo de longo prazo.

Quando você está sozinho, não há ninguém para cuidar da sua bagagem enquanto você corre para o banheiro ou toma um café.

Recomendamos:  Pessoas que preferem ficar por casa são mais inteligentes e vivem mais anos, revela pesquisa

Uma sobrecarga de bagagem torna qualquer viajante um alvo fácil para ladrões e atenção indesejada. Além disso, sacolas gigantes matam suas costas, seu nível de energia e seu humor.

9) Cantando no carro

A melhor parte das viagens rodoviárias é cantar terrivelmente alto o seu mix favorito dos anos 90, sem ninguém para julgá-lo ou revirar os olhos. Nada faz os quilômetros passarem tão rápido quanto cantar e dançar no carro!

10) Inspire outros

Minha coragem de viajar sozinha pelos cinco continentes inspirou meus amigos a aproveitar as lacunas de tempo para se juntar a mim em uma pequena parte de uma viagem ou para fazer sua própria jornada.

Eu sou a desculpa que as pessoas usam para viajar e enfrentar seus medos.

Seja a inspiração para seus amigos fazerem aquela viagem a Cuba ou fazer uma caminhada no Kilimanjaro!

via: AFAR


- Publicidade -

Últimas entradas

- Publicidade -